Notícias

13/01/2022 16:25


Governo publica decreto que altera protocolos de combate à Covid-19 em Santo Ângelo

A principal medida proíbe pistas de danças em eventos. Máscaras, álcool em gel e distanciamento seguem obrigatórias em locais religiosos, bares e similares

O prefeito em Exercício, Volnei Teixeira, assinou nesta terça-feira (11), o Decreto nº 4090/2022 alterando o de número 4.072, de 23 de novembro de 2021, com protocolos sanitários de prevenção contra a Covid-19, em virtude do crescente aumento de casos confirmados neste mês de janeiro em Santo Ângelo, com 739 registros da doença e média de 56,8 casos ao dia. 
As novas medidas foram debatidas em reunião coordenada pelo secretário municipal de Saúde, Dr. Flávio Christensen, com a presença da advogada do Município, Nicole Duprat, do fiscal sanitário Ubiratan Gross Alencastro e do vice-presidente da Associação Comercial Industrial de Santo Ângelo (Acisa), Mauro Tschiedel, que integra o Comitê Temporário de Enfrentamento ao Coronavírus, e seguem orientações da Organização Mundial de Saúde.
O decreto reitera o município em situação de calamidade pública e mantém os protocolos sanitários de obrigatoriedade de oferta de álcool em gel, o uso de máscaras e o distanciamento de dois metros entre as mesas em festas, eventos, bares e similares. Os frequentadores também devem permanecer sentados a mesa durante o consumo de alimentos ou bebidas. Em missas e demais cultos religiosos, é obrigatório o uso de máscaras e a ocupação intercalada de assentos com distanciamento mínimo de dois metros entre as pessoas.
Segundo o secretário de Saúde, Dr. Flávio Christensen, o novo decreto proíbe pista de dança em eventos, casas noturnas, bares e similares pelo período de 15 dias. "Fica permitida a música ao vivo, conforme limite de decibéis estabelecidos, desde que os clientes permaneçam sentados durante o consumo de alimentos ou bebidas", explica.
SAÚDE SEGUE ATENTA AO AUMENTO DOS CASOS
Christensen não descarta medidas mais severas caso ocorra o aumento de casos e uma disseminação maior do vírus em Santo Ângelo. "Poderemos adotar ações mais restritivas para diminuir o número de casos e a circulação do vírus. Estamos monitorando os atendimentos na UPA 24 Horas, nas unidades de saúde e nos hospitais, e acompanhando às pessoas em isolamento domiciliar e, a qualquer momento, poderemos sugerir medidas mais severas", alertou.
Foto: Fernando Gomes/Arquivo

 
 
Baixar arquivo anexado

EM DESTAQUE

Pousada das Missões

Churrascaria do Chico

Fazendo vontades com sabor, qualidade e economia.

Saiba mais

Mais notícias

  • Aguarde, buscando...